September 1, 2017

Estágios na MD3


Durante o mês de Julho a MD3 recebeu dois jovens estagiários provenientes da Escola Básica e Secundária da Batalha.


Durante o mês de Julho a equipa da Md3 cresceu, com a vinda de dois jovens estagiários provenientes da Escola Básica e Secundária da Batalha. A escola detém três cursos profissionais distintos, para alunos do ensino secundário que pretendam uma vertente mais prática e voltada para o mercado de trabalho no imediato. “Eu sou Pro” é o nome do projecto lançado pela escola da Batalha, aqui é possível ingressar no curso de Técnico de Turismo, Técnico de Comércio ou Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, este último detém certificação Cisco. Tratam-se de cursos com certificação profissional nível 4 e contam com o apoio do Portugal 2020.

O curso de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos insere além da parte teórica uma parte prática sobre forma de estágio curricular numa empresa da região. Foi no âmbito de uma parceria entre a MD3 e a Escola da Batalha que foi possível dar a conhecer a estes dois estudantes o funcionamento e inserção no mercado de trabalho, bem como dar-lhes as ferramentas e uma visão do tipo de profissão que pretendem seguir.

O David e o Rodrigo ambos com 17 anos, frequentam o 11º ano e desde cedo demonstraram aptidão e interesse pela área das tecnologias. A vinda de dois novos elementos para a equipa da md3 foi uma experiência enriquecedora para ambas as partes. A posssibilidade de incutir e ensinar jovens na área das tecnologias ajuda na formação mas também na implementação de métodos de trabalho. Cada vez mais mostrar desde cedo como funciona a inserção numa equipa de trabalho bem como um dia normal na área que se gosta, tem relevante importância na formação de jovens, podendo dissipar dúvidas em relação ao futuro a seguir ou até dar-lhes as ferramentas necessárias que a prática acarreta.

O estágio teve a duração de um mês e meio, o David e o Rodrigo tornaram-se membros presentes da equipa participando nas reuniões matinais (meetings), aprendendo o método de scrum e até a participar nas reuniões de trabalho em inglês. Foram-lhes atribuídas tarefas referentes às suas áreas de interesse. Desde cedo se criou um bom ambiente e espírito de equipa com a chegada dos dois novos colegas.
Para a Md3 é uma experência a repetir.

Autor do artigo
Partilhar Notícia